Bio Menu

Busca

Sobre o blog

Alimentar-se representa muito mais que apenas ingerir carboidratos, lipídios, proteinas, vitaminas e minerais. Significa relação social, afinal as pessoas comemoram, prazer, indulgencia etc. Neste Blog temos por objetivo discutir todas as faces dos nutrientes e como podemos estabelecer uma ingestão alimentar saudável sem abrir mão do prazer. Com isso pretendemos propor a você pequenas mudanças que farão diferenças importantes na sua vida, venha conosco.

Categorias

Histórico

12/04/2012

Alho

 O alho, muito utilizado em diversas cozinhas típicas, possui admiradores fervorosos assim como inimigos incondicionais. Estudos têm demonstrado os benefícios do alho ajudando o sistema de defesa do organismo e sendo considerado um alimento que auxilia na prevenção de diversos tipos de cânceres, além de também ter sido associado com redução do colesterol ruim.

Este alimento quando consumido regularmente fornece nutrientes que auxiliam no combate a formação de espécies ativas de oxigênio conhecido como radicais livres, bem como um potente anti-inflamatório.

Estudos recentes demonstraram que a utilização de óleo de alho em pacientes com gastrite, reduzia a intensidade da inflamação agudamente. Não se sabe se a ação anti-inflamatória é a responsável pela redução do processo inflamatório ou se estaria ligado a alguma propriedade antibiótica que reduziria a população de bactérias responsáveis pela doença.

 

Apesar destas informações bastante enriquecedoras, não devemos atribuir grandes expectativas neste ou naquele alimento quando uma doença já está presente. Podemos sim ter uma atitude mais saudável introduzindo este alimento na nossa rotina alimentar.

Pequenas quantidades de alimentos, como o alho, consumidos regularmente somam benefícios à saúde. 

 Para saber mais:

Garlic intake and cancer risk: an analysis using the Food and Drug Administration's evidence-based review system for the scientific evaluation of health claims. Ji Yeon Kim and Oran Kwon. Am J Clin Nutr, Jan 2009; 89: 257 - 264.

 

 

Por Luciana O. P. Lancha às 08h36

10/04/2012

O ESTRESSE PSICOLÓGICO: O QUE ELE CAUSA E COMO EVITÁ-LO

 

Pesquisa recente na Universidadede Carnegie Mellon, de Pittsburgh (EUA), observou que o estresse aumenta o risco de doenças ao afetar a capacidade do organismo de controlar inflamações. Ou seja, uma pessoa estressada é praticamente uma pessoa doente, já que o sistema de defesa do organismo do estressado fica menos eficiente, o que pode explicar doenças geralmente ligadas ao estresse como as cardiovasculares e as autoimunes.

 

Já é sabido também que o estresse psicológico crônico aumenta o risco de depressão, diabetes, infecções respiratórias e até pioram cicatrizações de feridas.

 

E o que fazer diante do estresse, se estamos tão vulneráveis à ele?

 

Claro que não estamos livres de viver eventos estressantes como a perda de uma pessoa querida, problemas no trabalho, falta de dinheiro, problemas conjugais entre outros. Mas o que se tem observado é um ritmo de vida alucinado e uma exigência de estar sempre produtivo, com infinitas tarefas e funções.

 

O mais preocupante é a naturalização desta vida ‘estressada” como se ela fosse a única alternativa para se viver. Dentro desta perspectiva férias, descanso, lazer e atividadefísica estão praticamente banidos. Exatamente o que poderia ser o remédio para o estresse, gerando equilíbrio para uma vida agitada e produtiva, é visto por muitos com desprezo, ou como algo supérfluo que pode esperar.

 

Para amenizar ou evitar o estresse vale a pena rever e questionar  como queremos desfrutar das nossas vidas. Boa parte do estresse que sentimos no nosso dia-a-dia é produzido por nossas próprias escolhas.

 

O que temos feito para ter uma vida mais saudável e equilibrada?

Vamos começar?

 

 

Carla Di Pierro

Psicóloga CRP 06/65399

 

Por Carla di Piero às 08h54

Ir para UOL Ciência e Saúde

Sobre os autores

Ana Carolina Garcia

Graduação em Nutrição - USP, especialista em Nutrição Aplicada ao Exercício Físico pela Escola de EEFE - USP e especialista em Nutrição Humana Aplicada e Terapia Nutricional pelo IMeN. Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Antonio Herbert Lancha Jr.

Graduação em Educação Física – USP Especialização em Fisiologia do Exercício – UNESP Mestrado e Doutorado em Nutrição Experimental – USP Pós- Doutorado em Medicina Interna – Washington University Professor Titular de Nutrição Aplicada à Atividade Física – USP Coordenador do Grupo de Nutrição do Vita Diretor da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Camila Freitas

Graduação em Nutrição - USP

Pós-Graduação em Gastronomia

Responsável pela área de nutrição das academias Reebok (SP)

Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Carla di Pierro

Graduação em Psicologia - PUC SP

Especialização em Psicologia do Esporte - Instituto Sedes Sapientiae

Especialização em Clínica Analítico Comportamental - Núcleo Paradigma

Aprimoramento em Terapia Comportamental Cognitiva - Amban HCFMUSP

Psicóloga da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Desire F. Coelho

Graduação em Nutrição - Centro Universitário São Camilo

Graduação em Esporte - USP

Mestrado em Educação Física - USP

Doutoranda pelo Instituto de Ciências Biomédicas - USP

Aprimorando em Transtorno Alimentar pelo AMBULIM HC-FMUSP

Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Luciana O. P. Lancha

Graduação em Nutrição e Esporte – USP Mestrado em Bioquímica – UNICAMP Doutorado em Ciências Biomédicas - USP Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Luiz Augusto Riani Costa

Graduação em Medicina – UNICAMP

Pós-graduação em Medicina Esportiva e Fisiologia do Exercício – USP

Doutorando em Fisiopatologia – EEFE/HCFMUSP

Diretor Clínico do setor de Cardiologia dos Laboratórios

Diagnósticos da América (DASA)

Fisiologista do Vita

Médico da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Marco D. Leme

Graduação em Nutrição - Centro Universitário São Camilo

Graduação em Eng. de Alimentos - Instituto Mauá de Tecnologia

Nutricionista do Grupo de DOR - IOT HCFMUSP e da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Patrícia Campos-Ferraz

Graduação em Nutrição – USP

Mestrado em Ciências dos Alimentos – USP

Doutorado em Biologia Funcional e Molecular pela UNICAMP

Nutricionista da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida


Renata C. Sardinha

Graduação em Nutrição - Centro Universitário São Camilo. Nutricionista do Bio Menu Congelados Saudáveis


Rodrigo Ferraz

Graduação em Educação Física - USP

Especialização em Treinamento Desportivo - UNIFESP/EPM

Especialista em Prevenção de Lesão e Treinamento em Pacientes Oncológicos

Preparador Físico da Nutriaid Consultoria em Qualidade de Vida